Tudo sobre mamoplastia

Embora seja uma das cirurgias plásticas mais populares no Brasil, a mamoplastia de aumento ainda desperta várias dúvidas, sobretudo em pessoas que estão cogitando realizar o procedimento. Pensando nisso, resolvi criar este conteúdo exclusivo com os tópicos mais questionados pelas pacientes:

Tipos de incisões da mamoplastia e suas indicações
A mamoplastia pode ser realizada através de três tipos de incisão: inframamária (no sulco abaixo das mamas); periareolar (ao redor da aréola); axilar (embaixo do braço, bem próxima à axila). A indicação da melhor técnica será feita individualmente, conforme o volume da prótese de silicone e características anatômicas da paciente.

Silicone sob ou sobre o músculo – Qual é melhor?
De modo geral, a prótese colocada por cima do músculo tem um pós-operatório menos doloroso e com menos inchaço. Além disso, os resultados proporcionam aquele aspecto de seios turbinados e com colo bem atraente, algo desejado pela maioria das mulheres.

Porém, quando a paciente tem pouco tecido mamário, tórax muito estreito ou pele muito fina, pode ser necessário colocar o silicone por baixo do músculo. Nestes casos, o pós-operatório será mais desconfortável, entretanto, os resultados são bastante naturais e harmônicos.

Silicone causa perda de sensibilidade?
Em alguns casos sim, outros não. A depender do volume da prótese e da espessura da pele, é possível que ocorra uma perda temporária ou definitiva da sensibilidade nos mamilos.Isto acontece porque a cirurgia provoca o estiramento da pele, comprometendo algumas terminações nervosas.

Ficou alguma dúvida sobre o tema ou quer saber mais sobre a mamoplastia de aumento? Então, entre em contato e agende uma consulta de avaliação!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *