Quanto custa a sua ansiedade?

Vivemos em um mundo onde tudo tem que ser para ontem. São várias as demandas em casa, com os filhos, marido, família, trabalho, escola e na sociedade em geral. Isso faz com que tenhamos muitas pré-ocupações que nos deixam ansiosas e angustiadas. Preocupamos hoje com os problemas que podem e vão surgir amanhã.
A ansiedade é o mal do século e atinge todas as idades. Desde bebês e crianças que sofrem por causa do corte e da separação com os pais, os adolescentes que sofrem por conta da pressão na escola e por temerem o fato de não serem aceitos em determinados grupos sociais. Os jovens que sofrem porque têm que fazer escolhas importantes: trabalho, carreira, relacionamentos. Os adultos sofrem devido a pressão de buscarem uma estabilidade emocional e financeira, por ter que conseguir recursos para pagar as contas no final do mês e por medo do futuro de sua família e até mesmo os mais idosos sofrem de ansiedade por medo da rejeição, da solidão, das doenças e inclusive por medo da morte.
Resumindo, sempre, em todo o tempo, teremos motivos aparentes para vivermos ansiosas. Acontece que a ansiedade faz com que nossos olhos se fixem nos problemas, nos medos, nas angústias e nas pré-ocupações, fazendo que elas se tornem grandes muralhas, nos impedindo de enxergar a glória e o poder de Deus,  e isso nos afasta de vivermos em plenitude as Suas promessas.
Olhem o que a Palavra de Deus nos fala no livro de Mateus 6:25-34 “Por isso eu digo a vocês: não se preocupem com a comida e com a bebida que precisam para viver nem com a roupa que precisam para se vestir. Afinal, será que a vida não é mais importante do que a comida? E será que o corpo não é mais importante do que as roupas?  Vejam os passarinhos que voam pelo céu: eles não semeiam, não colhem, nem guardam comida em depósitos. No entanto, o Pai de vocês, que está no céu, dá de comer a eles. Será que vocês não valem muito mais do que os passarinhos?  E nenhum de vocês pode encompridar a sua vida, por mais que se preocupe com isso.   — E por que vocês se preocupam com roupas? Vejam como crescem as flores do campo: elas não trabalham, nem fazem roupas para si mesmas.  Mas eu afirmo a vocês que nem mesmo Salomão, sendo tão rico, usava roupas tão bonitas como essas flores.  É Deus quem veste a erva do campo, que hoje dá flor e amanhã desaparece, queimada no forno. Então é claro que ele vestirá também vocês, que têm uma fé tão pequena!  Portanto, não fiquem preocupados, perguntando: “Onde é que vamos arranjar comida?” ou “Onde é que vamos arranjar bebida?” ou “Onde é que vamos arranjar roupas?”  Pois os pagãos é que estão sempre procurando essas coisas. O Pai de vocês, que está no céu, sabe que vocês precisam de tudo isso.  Portanto, ponham em primeiro lugar na sua vida o Reino de Deus e aquilo que Deus quer, e Ele lhes dará todas essas coisas.  Por isso, não fiquem preocupados com o dia de amanhã, pois o dia de amanhã trará as suas próprias preocupações. Para cada dia bastam as suas próprias dificuldades.”
A ansiedade é incompatível com a fé, pois não combina com os que acreditam e confiam em Deus. Deus de detalhe, que cuida, que controla,  que cura, que provê e que não nos deixa ter falta de absolutamente nada. Ele não só nos dá uma ordem: não precisamos ficar ansiosas, mas também nos dá uma solução para combatê-la. Como um remédio, simples, gratuito, acessível e eficaz. Esse remédio se chama ORAÇÃO. Crer que através do nosso diálogo com Deus, Ele nos escuta, nos traz a segurança de que Alguém muito maior do que nós está nos protegendo e cuidando de todas as coisas. A oração faz por nós aquilo que a pré-ocupação não faz e a presença real Dele nos traz uma profunda segurança anulando os efeitos da ansiedade. Abra seu coração para Deus,  mostrando e entregando para Ele tudo que te angustia, e confie que Ele cuidará de tudo que você deseja e precisa.
Quando usamos esse remédio de maneira contínua, recebemos a cura que é a paz. A Palavra de Deus nos fala em Filipenses 4:6-7 “Não se preocupem com nada, mas em todas as orações peçam a Deus o que vocês precisam e orem sempre com o coração agradecido. E a paz de Deus, que ninguém consegue entender, guardará o coração e a mente de vocês, pois vocês estão unidos com Cristo Jesus.”
Essa paz, que excede todo entendimento, nos traz calma mesmo quando estamos enfrentando as situações mais incertas e ela só é obtida através da fé que vêm desse relacionamento íntimo de confiar em Deus. Não deixe a ansiedade diminuir a sua fé, a sua alegria e a certeza de que você tem um Pai que sempre cuida de você e da sua família. Não ande ansiosa por coisa alguma, entrega todas as suas preocupações Aquele que realmente tem o poder sobre todas as coisas e que já preparou o melhor para você.
Deus abençoe sua vida e até o nosso próximo encontro! Beijinhos no seu coração.

Compartilhe este post